Dieta Paleo

Dieta Paleo: Saiba o que ela pode fazer pela sua saúde

Conheça de onde veio, como funciona e quais as principais características da dieta paleo. Saiba o que ela pode fazer com seu corpo e sua saúde.

O nome “paleo” é uma abreviação de “paleolítico”, como você já poderia imaginar. E a partir disso, a base da dieta paleo é alimentar-se do que os homens tinham à disposição para se alimentar na era paleolítica, quando a agricultura não existia.

Claro que hoje em dia você não vai ter de ir à caça para comer sua carne, a dieta é adaptada ao estilo de vida atual. Mas a base é essa. E a lógica disso é que, de todo tempo da história registrada desde o homem primitivo na Terra, 99,5% desse tempo ocorreu antes da agricultura iniciar sua revolução no modo de nos alimentar. Portanto, atualmente ainda somos capazes de nos manter resistentes comendo só o que está disponível na natureza.

Na dieta paleo pode comer:

Carne (não precisa tirar nenhuma gordura, mas prefira que sejam de animais criados e alimentados de forma saudável e natural);
Peixes e frutos do mar;
Ovos;
Frutas;
Vegetais;
Tubérculos;
Sementes (nozes, todos os tipos de castanhas, amêndoas);
Óleos que fazem bem (azeite de oliva, óleo de coco, de macadâmia, de chia);
Manteiga, ghee e banha de porco (criado e alimentado de forma natural) também pode, mas não exagere.

E não pode comer:

Leguminosas (feijão, lentilha, ervilha, soja, grão de bico);
Grãos e cereais (arroz, milho, trigo);
Leite e derivados (menos manteiga orgânica);
Açúcar refinado;
Óleos vegetais refinados (milho, soja, girassol, canola e também a margarina entra nesse grupo);
Enlatados, empacotados, industrializados de modo geral.

Dentro dessas opções você pode comer à vontade até se sentir saciada. Não se preocupe com horários para comer.

Comendo só o que é “permitido” na dieta paleo, você começa a gerar uma série de benefícios pro seu organismo como um todo:

Elimina alimentos que são fonte de inflamações e doenças;
Equilibra o açúcar, a pressão e o pH no sangue;
Gera fluidez e harmonia no funcionamento de todos os órgãos, músculos e tecidos;
Acelera o emagrecimento e a resistência;
Renova as células, revitalizando e rejuvenescendo corpo e mente;
E com tudo isso acontecendo você se sentirá muito mais feliz e de bem com a vida.

 

SE FOR MUITO DIFÍCIL, COMECE AOS POUCOS

No início uma mudança deste tamanho pode parecer impossível, então vamos começar devagar, ok?

1 – Comece aos poucos, substituindo algumas coisas por vez. E perceba que você não está se punindo de nada ao tirar coisas que você simplesmente ama da sua alimentação, pois tudo que você tira, substitui por algo muito, muito melhor, acredite!

2 – Comece parando de comer farinha de trigo, açúcar refinado e óleos refinados.

3 – Passe cerca de duas semanas só sem estes três ingredientes na sua alimentação até acostumar.

4 – Depois, pare de comer também feijão, arroz, milho, lentilha, leite, derivados e adoçantes. Fique mais duas semanas sem tudo isso.

5 – Tudo isso, desde o início, incluindo muitas frutas, verduras, grãos, sementes, batata-doce, inhame e carnes na sua alimentação do dia todo.

6 – Também tente tomar ao menos 3 garrafinhas de água durante o dia inteiro nos horários entre as refeições. Só a água pura é necessária pra ajudar todo esse processo a funcionar a favor do seu emagrecimento e da sua saúde.

Lembre-se de consultar um médico antes de iniciar sua dieta para saber se seu organismo possui alguma restrição a deixar de comer certos alimentos.

 

Não dispense a consulta de um profissional

Lembre-se que toda dieta deve ser prescrita por um nutricionista. Tenha em mente que cada corpo funciona de um jeito diferente e possui necessidades individuais. Portanto, a dieta de outra pessoa não necessariamente trará bons resultados em você, ok? Seu corpo, sua dieta.

Priscilla Fortinho
priscillafortinho@gmail.com

Tem 29 anos e é apaixonada por escrever. Uniu o útil ao agradável ao se graduar em Comunicação Social e se especializar em Marketing de Conteúdo. Atualmente é uma Nômade Digital que escreve para empresas do Brasil e de Portugal.

0 comentários

Comente aqui